Como montar uma Clínica Médica: Dicas, Planejamento e Custos

como-montar-uma-clinica-medica-numeric-contabilidade

Montar uma clínica médica do zero é uma tarefa que costuma envolver muitas incertezas e inseguranças. Afinal de contas, o profissional da saúde que decide investir em um negócio próprio terá que lidar com uma série de burocracias.

Sem sombra de dúvidas, começar a própria clínica médica não é uma tarefa das mais fáceis. No entanto, quando colocado no papel todo o planejamento e os custos envolvidos no processo, é possível obter sucesso.

Desse modo, em primeiro lugar, nossa dica para montar uma clínica médica é contar com um serviço especializado, como uma contabilidade.

A partir do suporte dos profissionais contábeis, é possível não somente abrir uma clínica da maneira certa, como também fazer a sua gestão. Afinal de contas, o trabalho não para após a abertura de um empreendimento, muito pelo contrário.

Portanto, continue lendo este artigo e descubra como montar a sua clínica médica! Leia com atenção cada item abordado aqui e tire as suas dúvidas sobre o assunto.

Montar uma clínica médica: Planejamento

Independentemente do tipo de empresa e o segmento que você pretende atuar, ter em mãos um planejamento é de extrema importância.

Se planejar de maneira estratégica não influencia somente na abertura de um empreendimento, como também em sua administração.

Desse modo, o planejamento se apresenta como um dos principais fatores na hora de montar uma clínica médica. Inclusive, o Sebrae apontou a falta de planejamento um dos motivos que levam uma empresa ao fracasso.

É no planejamento que um empreendedor define onde pretende chegar com a sua clínica médica e quais os caminhos que devem ser percorridos. Aqui, deve ser levado em consideração diversos aspectos, como o financeiro, por exemplo.

Além disso, é no planejamento que você decide também se vai atuar sozinho ou com a presença de um ou mais sócios. Essa decisão influencia diretamente na hora de registrar a sua clínica médica, o que veremos mais adiante.

Demais detalhes como o imóvel da sua clínica médica, número de salas ou consultórios e se o mesmo será alugado ou adquirido.

Portanto, podemos perceber como é importante planejar antes de montar uma clínica médica. A seguir, confira alguns pontos fundamentais para obter sucesso em sua abertura.

Aproveite para ler: Reestruturação Financeira: Como O BPO Pode ajudar replanejar as finanças

E depois do planejamento?

Agora que você já sabe o que é um planejamento para montar uma clínica médica e qual a sua importância, é fundamental entender quais os próximos passos para a sua abertura.

Já com o seu planejamento em mãos, chegou a hora de colocar em prática tudo o que foi levantado e abrir a sua clínica médica.

Sendo assim, os passos para obter o Cadastro Nacional de Pessoa Jurídica (CNPJ) para profissionais médicos não é tão diferente dos demais empreendimento.

No entanto, existem algumas obrigações técnicas que devem ser seguidas na hora de montar uma clínica médica. Conheça cada uma delas a seguir!

Tipo de clínica médica

O primeiro passo para abrir uma clínica médica é a definição de qual tipo de empresa ele deseja abrir.

A escolha do melhor modelo de empresa vem acompanhada do planejamento, onde o médico decide montar uma clínica médica sozinho ou com sócios.

Dessa forma, os principais modelos de empresas disponíveis para os profissionais da saúde se apresentam como:

  • Sociedade Simples: Onde dois ou mais médicos atuam com responsabilidade ilimitada;
  • Sociedade Simples LTDA: Onde dois ou mais médicos atuam com responsabilidade limitada;
  • EIRELI: Empresa Individual de Responsabilidade limitada;
  • Sociedade Empresarial LTDA: Onde a responsabilidade é de um médico e outros profissionais de outras áreas da saúde.

Feita a escolha acima, é possível identificar qual será o tipo de CNPJ para a abertura da sua clínica médica.

Regime tributário

O regime tributário para uma clínica médica é o que vai definir como será feito o recolhimento dos seus impostos.

Desse modo, as clínicas possuem três opções de regimes tributários no Brasil. A escolha deve ser feita com muito cuidado, uma vez que é possível acabar pagando mais impostos do que deveria.

Os regimes tributários no Brasil se apresentam como Simples Nacional, Lucro Real e o Lucro Presumido.

Deve-se fazer a escolha tomando como base algumas informações como a lucratividade de uma clínica médica e o seu tamanho.

Cumprimento das exigências da ANS

Uma clínica médica, para funcionar corretamente, também precisa cumprir as exigências da Agência Nacional de Saúde (ANS).

Sendo assim, montar uma clínica médica diz respeito a definir o melhor modelo de estabelecimento, levando em consideração o seu modelo de negócio.

No Brasil, existem alguns modelos que acabam ganhando um certo destaque. Estamos falando dos seguintes: clínica popular, clínica de atendimento especializado e clínica geral para atendimento médico simples.

Feita essa decisão, o empreendedor deverá ter em mente como será o funcionamento da sua clínica e a maneira como ela irá prestar os seus serviços.

Obtenção dos alvarás

Além das exigências já citadas até aqui, um empreendedor também deve lidar com a legislação referente à sua área.

É o correto cumprimento de todas essas exigências que garante o correto funcionamento e regularização de uma clínica.

Desse modo, os alvarás que permitem que uma clínica médica possa funcionar de maneira legal são os seguintes:

  • Alvará de funcionamento;
  • Registro do CNES;
  • Alvará de vigilância sanitária;
  • Certificado da LIMPURB.

Todo empreendedor deve conhecer e estar ciente de todos os alvarás e se certificar que a sua clínica está de acordo com todas as especificidades.

Dicas para o sucesso da sua clínica médica

Como você já pode perceber, montar uma clínica médica é um processo que não acontece da noite pro dia.

Sendo assim, deve-se ter em mãos todos as estratégias necessárias para alcançar o sucesso da sua clínica médica.

Continue acompanhando o nosso artigo e confira algumas das principais dicas na hora de montar a sua clínica médica.

Conheça o seu mercado

A primeira dica para o sucesso de uma clínica médica é um estudo de mercado e análise de todos os seus concorrentes.

Ou seja, é fundamental conhecer o seu segmento de atuação, identificando os demais profissionais que prestam o mesmo tipo de serviço.

Tal análise influencia diretamente na precificação dos serviços da sua clínica médica, uma vez que é possível evitar cobrar um preço acima do mercado ou abaixo.

Controle as suas finanças

Uma boa gestão financeira é indispensável em todo e qualquer empreendimento. Não é diferente com uma clínica médica.

Ter o controle sobre todas as finanças é de extrema importância para manter uma clínica médica de maneira saudável e estável, impulsionando o seu crescimento.

Desse modo, o controle financeiro pode ser feito com o auxílio de um serviço especializado, como uma contabilidade que possui pessoal para a prestação de serviços em gestão financeira e que pode te apoiar em toda a rotina de emissão de notas fiscais e recibos para os clientes, além de organizar e controlar os pagamentos e recebimentos e preparar a projeção do fluxo de caixa da sua clínica. 

Aproveite para ler: Como Precificar Serviços Médicos – Tudo Que Você Precisa Saber

Humanize o atendimento

O principal valor de uma clínica médica são os seus pacientes. Afinal de contas, sem eles, não seria possível crescer com um empreendimento.

Dessa forma, toda clínica médica deve adotar um atendimento humanizado, buscando valorizar e fidelizar os seus clientes.

Clientes satisfeitos influenciam diretamente no crescimento de um empreendimento, uma vez as chances de eles indicarem os serviços da sua clínica para outras pessoas são maiores.

Por que contar com uma contabilidade para montar a sua clínica médica?

Tanto na hora de montar uma clínica médica quanto ao fazer a sua gestão, contar com uma contabilidade é um fator crucial.

A falta de conhecimento técnico em algumas áreas, como a financeira, pode ser um entrave na gestão dos empreendedores.

Todos os médicos e dentistas com CNPJ ou equiparadas nos termos da legislação do imposto de renda, prestadores de serviços de saúde, operadoras de planos privados e clínicas médicas de qualquer especialidade são obrigados a atender às exigências e os controles para entrega da DMED – Declaração de Serviços Médicos.

Desse modo, não somente para lidar com as finanças, como também com demais burocracias, os serviços contábeis e de gestão financeira de uma clínica, podem atuar como um aliado no crescimento e no sucesso de uma clínica médica.

Ou seja, não pense duas vezes antes de contar com o suporte de contadores na administração da sua clínica médica. Você pode entrar em contato conosco e descobrir como os nossos profissionais podem te ajudar.

Aproveite também para acessar o nosso blog e curtir as nossas redes sociais para acompanhar outros conteúdos como este!

Aproveite também para acessar o nosso blog e curtir as nossas redes sociais para acompanhar outros conteúdos como este!

Compartilhe:

Posts

Open chat
Olá, em que podemos ajudar? Fale conosco pelo WhatsApp!