Como precificar serviços médicos – tudo que você precisa saber

como-precificar-servicos-medicos

Uma das principais dificuldades enfrentadas pelos médicos e empreendedores, ao abrir uma clínica médica, diz respeito aos métodos para precificar serviços médicos.

A falta de conhecimento técnico é o principal entrave na hora de precificar os serviços de uma clínica médica. O que demanda uma profunda análise antes de passar por esse processo.

Inclusive, tal processo é um dos mais importantes em uma clínica. Afinal de contas, caso ele não cubra todos os gastos envolvidos, uma clínica médica poderá conviver com  prejuízos financeiros.

Desse modo, precificar serviços médicos é de extrema importância para toda clínica médica de sucesso. É esse processo que vai determinar todo o crescimento financeiro que ela pode apresentar ao longo de sua vida.

Portanto, chegou o seu momento de saber como fazer a precificação dos seus serviços da maneira correta! Continue acompanhando este artigo e descubra como obter uma clínica médica de sucesso! Vamos?

Como é o processo para precificar serviços médicos?

Uma clínica médica de sucesso passa por vários processos. O profissional da saúde, na maioria das vezes, precisa conciliar o atendimento dos seus pacientes com a gestão do seu negócio, o que pode demandar muito trabalho.

Dessa maneira, fatores importantes como a precificação de serviços médicos podem não receber a atenção devida.

Quando isso acontece e os serviços acabam sendo precificados de maneira errada, uma clínica médica poderá conviver com mais saídas do que entradas no seu caixa.

Sendo assim, é fundamental compreender quais são os passos necessários para definir o preço correto dos seus serviços. 

Deste modo,  muitos os fatores  devem ser levados em consideração, como, por exemplo, os custos envolvidos, as demandas de mercado e, principalmente, o retorno financeiro.

Conheça agora quais são os fatores envolvidos nesse processo e evite prejuízos financeiro na sua clínica médica.

Mão de obra 

O primeiro passo para realizar o processo de precificação de serviços médicos, está relacionado a mão de obra profissional.

Sendo assim é preciso levar em conta aspectos como, os  investimentos feitos na qualificação profissional, transporte, materiais e etc. 

Isso porque, o quesito mão de obra é um dos fatores de principal importância na hora de precificar o serviço médico de qualquer profissional atuante.

Margem de lucro

A margem de lucro é um fator fundamental para definir a correta precificação dos serviços médicos da sua clínica.

Em primeiro lugar, o que significa margem de lucro? O termo se refere à um cálculo utilizado com o intuito de identificar o quanto um empreendimento está recebendo de lucro a partir da venda dos seus serviços.

Dessa maneira, é possível identificar se a atual precificação dos serviços da sua clínica médica está dando, de fato, lucro ou prejuízo.

Portanto, é fundamental entender como fazer esse cálculo para identificar a margem de lucro da sua clínica médica.

Como é feito o cálculo para identificar a margem de lucro?

A administração assertiva de uma clínica médica envolve números e cálculos matemáticos. No entanto, a fórmula para calcular a margem de lucro é mais simples do que aparenta ser.

Sendo assim, o cálculo se apresenta da seguinte maneira: é necessário dividir o valor referente ao lucro pelo valor associado à receita total e por fim multiplicar o resultado obtido por 100.

Um exemplo disso é o seguinte: suponhamos que uma clínica médica possui um faturamento mensal de R$12 mil e no mesmo período, somou custos equivalentes à R$ 5 mil. Vamos ao cálculo da margem de lucro:

  • Receita: R$ 12.000
  • Custos: R$5.000
  • Lucro: R$ 12.000 – R$ 5.000 = R$7.000
  • Margem de lucro: R$ 7.000 / R$ 12.000 = 0,58 x 100 = 58%

Dessa forma, a margem de lucro obtido por essa clínica médica foi de 58%. O que significa que ela está lucrando acima dos seus custos.

Identifique e avalie os seus custos

Outro ponto que deve ser levado em consideração na hora de precificar serviços médicos é identificar e avaliar todos os custos envolvidos em uma clínica.

Esse fator é de extrema importância, uma vez que uma precificação eficiente deve cobrir todos os custos de uma clínica. Só assim é possível obter lucro ao invés de prejuízos financeiros.

Entretanto, antes de avaliar quais são os seus custos, é de extrema importância diferenciar aqueles fixos e variáveis.

Qual a diferença entre custos fixos e variáveis

Todo e qualquer empreendimento, independentemente do seu segmento de mercado, possui, em sua rotina, custos fixos e variáveis.

Sendo assim, se você deseja implementar um controle financeiro eficiente e precificar os seus serviços da maneira correta, é fundamental fazer essa distinção entre os custos fixos e variáveis.

Todos os custos fixos são aqueles que não estão associados à produção de uma clínica. Ou seja, eles não dependem disso. Exemplos de custos fixos são aqueles como aluguel, limpeza, segurança etc.

Em contrapartida, os custos variáveis são aqueles que estão associados com o nível de produção de uma clínica. Alguns exemplos desses custos se apresentam como compra de materiais, estratégias de marketing, dentre outros.

Análise de concorrência

Outra estratégia para precificar corretamente os serviços médicos é por meio de uma análise da concorrência.

Ou seja, é necessário ficar atento ao mercado e aos preços que os seus concorrentes estão praticando. Essa análise é de extrema importância, uma vez que evita o risco de cobrar um preço muito caro ou barato demais.

Portanto, faça um levantamento de todos os seus concorrentes diretos e, a partir de então, defina a precificação dos seus serviços.

Utilize estratégias de marketing 

Ao  realizar a precificação dos serviços da sua clínica médica, o empreendedor perceberá diferentes ofertas para um mesmo nicho, podendo assim acabar ficando em dúvidas se conseguirá obter lucro em seu negócio. 

Sendo assim, uma boa ideia para conseguir atrair novos clientes para um consultório pode ser diminuir a margem de lucro de seus serviços, para que assim consigam ofertar um preço mais competitivo em seu mercado.

Entretanto assegure que o preço ofertado não prejudique a qualidade de seus serviços. isso fará que consiga conquistar novos pacientes. Uma vez que eles detêm a força de indicar os seus serviços, tanto de forma positiva como negativa. 

Assim sendo, é possível implementar estratégias de marketing em todo o seu processo, fazendo com que o empreendimento crie campanhas de atração de novos clientes, como também na fomentação do  relacionamento de qualidade, na fidelização e na construção da imagem do consultório no mercado.

Valor agregado

Além de considerar os custos  e o comportamento de sua concorrência, é de fundamental importância que durante a precificação dos serviços da sua clínica médica, apurar o  valor agregado de seus serviços oferecidos. 

Ou seja, o valor que seus pacientes compreenderem como o correto e que se dispõe a pagar, mesmo que seu preço seja maior do que a grande maioria de seus concorrentes. 

Geralmente, o valor agregado de um serviço, está relacionado  a reputação de uma empresa, a qualidade do atendimento prestado, nível de qualificação profissional, exclusividade e etc. 

Invista em tecnologia 

Por último, listamos também como fator de influência na precificação dos serviços da sua clínica médicas, investimento em tecnologia adequadas para os serviços  médicos. 

Quando realizado a contratação de um software de gestão de clínicas médicas, o empreendimento mais agilidade e qualidade em suas operações internas como rapidez no atendimento, controle financeiro, gestão de estoque de medicamentos, dentre outras vantagens.

A princípio a realização deste investimento pode acabar pesando no bolso dos pequenos empreendedores, fazendo com que seus preços aumente.

Conte com a ajuda de profissionais especializados

Como mencionado no início do artigo, muitos profissionais da área da saúde pecam por não terem conhecimento técnico acerca dos processos financeiros de uma clínica.

Nestes casos, terceirizar o setor financeiro da sua clínica médica, por meio de um BPO Financeiro, é uma das principais alternativas no mercado.

São vários os benefícios de terceirizar o seu setor financeiro. Além da possibilidade de focar em outros processos como a própria gestão da clínica em si e nos atendimentos, o BPO Financeiro atua em diversas frentes.

Além de não precisar arcar com um departamento interno, você deixa todo o controle financeiro nas mãos de profissionais especialistas no assunto.

Sendo assim, processos como análise de todas as contas a pagar e a receber, fluxo de caixa e a elaboração de relatórios são feitos evitando as chances de erros e falhas.

Portanto, se você está encontrando dificuldades em fazer o seu controle financeiro ou em precificar os serviços médicos da sua clínica, conte com o suporte de um serviço especializado.

Para mais informações e dicas sobre o assunto, acesse o nosso blog e leia mais conteúdos como o que você acabou de ler.

Compartilhe:

Posts

Open chat
Olá, em que podemos ajudar? Fale conosco pelo WhatsApp!